Na sequência das várias diligências e reuniões já efetuadas em consequência das queixas dos moradores da área envolvente ao Centro de Alojamento Temporário e Apoio aos Sem-Abrigo, sito à Rua Pintor Domingos Rebelo, reuniram na tarde da passada 6ª feira, dia 02 de julho: um grupo de moradores afetados, a Junta e Assembleia de Freguesia de Santa Clara, e representantes do ISSA, PSP, Ação Social da Câmara Municipal de Ponta Delgada, Associação Novo Dia, Cáritas de São Miguel e ARRISCA.
Depois de mais uma abordagem ao papel das diferentes entidades no trabalho com indivíduos adictos e com necessidade de apoio específico, com os moradores a deixarem bem vincadas as problemáticas de que também são vítimas, foi desta vez possível dar passos concretos para a mitigação dos efeitos deste drama social.
 
A saber:
 
• da PSP disponibilidade imediata para aumentar o patrulhamento na zona;
 
• do Novo Dia acelerar o processo de criação de um centro ocupacional para os utentes;
 
• da Ação da Social da CMPD, acolher até à solução do ponto anterior, em colaboração com a Novo Dia, alguns indivíduos no sentido de lhes proporcionar ocupação durante o dia;
 
• e de todas as representações presentes na reunião, criar um grupo de trabalho, que reunirá mensalmente, para acompanhar o evoluir das estratégias implementadas no terreno e sinalizar e atuar sobre eventuais novos problemas que surjam.